PLAY

quarta-feira, 9 de agosto de 2017

FAMÍLIAS, ATENÇÃO AOS DESENHOS QUE SEUS FILHOS ASSISTEM. HOMOSSEXUALISMO, PROSTITUIÇÃO, PEDOFILIA, OCULTISMO, SUBLIMINARES, ETC...

PÉSSIMA NOVIDADE NO MUNDO DOS DESENHOS DA DISNEY


Doutora Brinquedos mostra família formada por duas mães


Episódio foi ao ar no último final de semana no Disney Channel dos Estados Unidos

Doutora Brinquedos - episódio The Emergency Plan (Foto: Reprodução / Facebook GLAAD)
Doutora Brinquedos - episódio The Emergency Plan (Foto: Reprodução / Facebook GLAAD)


No último final de semana, foi ao ar nos Estados Unidos o episódio The Emergency Plan ("Plano de Emergência", em tradução livre), do desenho Doutora Brinquedos, que trouxe no centro da história uma família formada por duas mães.
Na trama, a Doutora (como é identificada a personagem principal da série) mostra a importância de se ter um plano para lidar com eventos inesperados, como o que acometeu a família das bonecas, que foram separadas dos filhos devido a um terremoto causado por um dragão de brinquedo.
Mensagem
Ainda que o episódio não tenha focado no relacionamento homoafetivo, sua exibição foi motivo de comemoração para muitas entidades e defensores dos direitos LGBT. A atriz e comediante Wanda Sykes, que fez a voz de uma das mães, disse que o desenho enviou uma ótima mensagem.
“Somos duas mães... Vai ser muito emocionante para meus filhos ver nossa família representada. Com este episódio, eles veem uma família que se parece com a nossa”, disse ela, conforme publicado pelo site do Huffpost.
A presidente e CEO do GLAAD (entidade que monitora a forma como a mídia retrata a comunidade LGBT), Sarah Kate Ellis, também comemorou a iniciativa da Disney de retratar famílias criadas por casais do mesmo sexo. “Crianças como as minhas merecem a chance de ver famílias como a delas representadas na TV, e este episódio faz exatamente isso de uma forma  linda e positiva”, falou Sarah.
No Brasil
Por meio de sua assessoria, a Disney Brasil informou que ainda não sabe quando o episódio vai ao ar por aqui.
http://revistacrescer.globo.com/Curiosidades/noticia/2017/08/doutora-brinquedos-mostra-familia-formada-por-duas-maes.html

SÃO MUITOS - QUE OS PAIS FIQUEM ATENTOS!



Desenho da Disney mostra cenas de beijo gay





A lei garante a proteção contra o abuso e a exploração sexual

— registrado em: crime sexual, lei, ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente), crime

AlexTodas as crianças já nascem com direitos, que estão escritos em documentos importantes: as leis. Podemos dizer que leis são regras que definem o que cada pessoa deve fazer para garantir que os direitos das crianças sejam respeitados e cumpridos.

A lei diz, por exemplo, que toda criança deve ter os mesmos direitos dos adultos, e que deve receber atenção especial da família e de toda a sociedade, pois precisa crescer e se desenvolver de forma segura, saudável e feliz.

O governo também é muito importante para isso, porque deve garantir que as leis de proteção sejam cumpridas por todos. E até mesmo você, que é criança, pode ficar de olho em como as crianças à sua volta estão sendo tratadas.

Para isso, é importante conhecer um pouco da Constituição Federal e das principais leis de proteção das crianças e dos adolescentes.

Selecionamos algumas partes de três importantes leis: a Constituição Federal, o Estatuto da Criança e do Adolescente e o Código Penal. Vale a pena ler!



Constituição Federal

Art. 227 - É dever da família, da sociedade e do Estado assegurar à criança e ao adolescente, com absoluta prioridade, o direito à vida, à saúde, à alimentação, à educação, ao lazer, à profissionalização, à cultura, à dignidade, ao respeito, à liberdade e à convivência familiar e comunitária, além de colocá-los a salvo de toda forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão.

§ 4.º A lei punirá severamente o abuso, a violência e a exploração sexual da criança e do adolescente.



Estatuto da Criança e do Adolescente - Lei 8.069/1990, com alterações da Lei 11.829/2008


Art. 5° - Nenhuma criança ou adolescente será objeto de qualquer forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão, punido na forma da lei qualquer atentado, por ação ou omissão, aos seus direitos fundamentais.

Art. 240.  Produzir, reproduzir, dirigir, fotografar, filmar ou registrar, por qualquer meio, cena de sexo explícito ou pornográfica, envolvendo criança ou adolescente: 
Pena – reclusão, de 4 (quatro) a 8 (oito) anos, e multa. 
§ 1o  Incorre nas mesmas penas quem agencia, facilita, recruta, coage, ou de qualquer modo intermedeia a participação de criança ou adolescente nas cenas referidas no caput deste artigo, ou ainda quem com esses contracena. 
§ 2o  Aumenta-se a pena de 1/3 (um terço) se o agente comete o crime: 
I – no exercício de cargo ou função pública ou a pretexto de exercê-la; 
II – prevalecendo-se de relações domésticas, de coabitação ou de hospitalidade; ou 
III – prevalecendo-se de relações de parentesco consangüíneo ou afim até o terceiro grau, ou por adoção, de tutor, curador, preceptor, empregador da vítima ou de quem, a qualquer outro título, tenha autoridade sobre ela, ou com seu consentimento.” (NR)

Art. 241.  Vender ou expor à venda fotografia, vídeo ou outro registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente:
Pena – reclusão, de 4 (quatro) a 8 (oito) anos, e multa.” (NR)

Art. 241-A.  Oferecer, trocar, disponibilizar, transmitir, distribuir, publicar ou divulgar por qualquer meio, inclusive por meio de sistema de informática ou telemático, fotografia, vídeo ou outro registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente: 
Pena – reclusão, de 3 (três) a 6 (seis) anos, e multa. 
§ 1o  Nas mesmas penas incorre quem: 
I – assegura os meios ou serviços para o armazenamento das fotografias, cenas ou imagens de que trata o caput deste artigo; 
II – assegura, por qualquer meio, o acesso por rede de computadores às fotografias, cenas ou imagens de que trata o caput deste artigo.
§ 2o  As condutas tipificadas nos incisos I e II do § 1o deste artigo são puníveis quando o responsável legal pela prestação do serviço, oficialmente notificado, deixa de desabilitar o acesso ao conteúdo ilícito de que trata o caput deste artigo.

Art. 241-B.  Adquirir, possuir ou armazenar, por qualquer meio, fotografia, vídeo ou outra forma de registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente:
Pena – reclusão, de 1 (um) a 4 (quatro) anos, e multa.
§ 1o  A pena é diminuída de 1 (um) a 2/3 (dois terços) se de pequena quantidade o material a que se refere o caput deste artigo.
§ 2o  Não há crime se a posse ou o armazenamento tem a finalidade de comunicar às autoridades competentes a ocorrência das condutas descritas nos arts. 240, 241, 241-A e 241-C desta Lei, quando a comunicação for feita por:
I – agente público no exercício de suas funções;
II – membro de entidade, legalmente constituída, que inclua, entre suas finalidades institucionais, o recebimento, o processamento e o encaminhamento de notícia dos crimes referidos neste parágrafo;
III – representante legal e funcionários responsáveis de provedor de acesso ou serviço prestado por meio de rede de computadores, até o recebimento do material relativo à notícia feita à autoridade policial, ao Ministério Público ou ao Poder Judiciário.
§ 3o  As pessoas referidas no § 2o deste artigo deverão manter sob sigilo o material ilícito referido.

Art. 241-C.  Simular a participação de criança ou adolescente em cena de sexo explícito ou pornográfica por meio de adulteração, montagem ou modificação de fotografia, vídeo ou qualquer outra forma de representação visual:
Pena – reclusão, de 1 (um) a 3 (três) anos, e multa.

Parágrafo único.  Incorre nas mesmas penas quem vende, expõe à venda, disponibiliza, distribui, publica ou divulga por qualquer meio, adquire, possui ou armazena o material produzido na forma do caput deste artigo.

Art. 241-D.  Aliciar, assediar, instigar ou constranger, por qualquer meio de comunicação, criança, com o fim de com ela praticar ato libidinoso:
Pena – reclusão, de 1 (um) a 3 (três) anos, e multa.
Parágrafo único.  Nas mesmas penas incorre quem:
I – facilita ou induz o acesso à criança de material contendo cena de sexo explícito ou pornográfica com o fim de com ela praticar ato libidinoso;
II – pratica as condutas descritas no caput deste artigo com o fim de induzir criança a se exibir de forma pornográfica ou sexualmente explícita.

Art. 241-E.  Para efeito dos crimes previstos nesta Lei, a expressão “cena de sexo explícito ou pornográfica” compreende qualquer situação que envolva criança ou adolescente em atividades sexuais explícitas, reais ou simuladas, ou exibição dos órgãos genitais de uma criança ou adolescente para fins primordialmente sexuais. 



Código Penal

Estupro 
Art. 213:
"Constranger à conjunção carnal, mediante violência ou grave ameaça."

Por conjunção carnal entende-se a penetração do pênis na vagina, completa ou não, com ou sem ejaculação. Assim, o estupro é um crime que só pode ser praticado por um homem contra uma mulher, incluídas nesse caso meninas e adolescentes.

Pena: reclusão, de seis a dez anos.


Atentado violento ao pudor
Art. 214: 
"Constranger alguém, mediante violência ou grave ameaça, a praticar ou permitir que com ele se pratique ato libidinoso1 diverso da conjunção carnal."

Pena: reclusão, de seis a dez anos.

1Ato libinoso é o que visa ao prazer sexual.

Sedução 
Art. 217: 
"Seduzir mulher virgem, menor de dezoito anos e maior de catorze, e ter com ela conjunção carnal2, aproveitando-se de sua inexperiência ou justificável confiança."

Pena: reclusão, de dois a quatro anos.

2Conjunção carnal é a relação sexual, entre um homem e uma mulher, caracterizada pela penetração do pênis no interior da vagina.


Corrupção de menores
Art. 218: 
"Corromper ou facilitar a corrupção de pessoa maior de catorze e menor de dezoito anos, com ela praticando ato de libidinagem, ou induzindo-a a praticá-lo ou presenciá-lo."

Pena: reclusão, de um a quatro anos.


Pornografia 
Art. 234: 
"Fazer, importar, exportar, adquirir ou ter sob sua guarda, para fim de comércio ou distribuição ou de qualquer exposição pública, escrito, desenho, pintura, estampa ou qualquer objeto obsceno."

Pena: detenção, de seis meses a dois anos ou multa.



Abuso, violência e exploração sexual de crianças e adolescentes são enquadrados penalmente como corrupção de menores (art. 218) e atentado violento ao pudor (art.214 ), caracterizado por violência física ou grave ameaça.

O abuso sexual de meninas e meninos e de adolescentes inclui a corrupção de menores, o atentado violento ao pudor e o estupro (art. 213). 

Com a Lei 8.072, de 25 de julho de 1990, o estupro e o atentado violento ao pudor passaram a ser considerados crimes hediondos e tiveram as penas aumentadas.

Os autores de crimes hediondos não têm direito a fiança, indulto ou diminuição de pena por bom comportamento.

Os crimes são classificados como hediondos sempre que se revestem de excepcional gravidade, evidenciam insensibilidade ao sofrimento físico ou moral da vítima ou a condições especiais das mesmas (crianças, deficientes físicos, idosos).



TITIO AVO PEDÓFILO


Para saber mais sobre esse assunto acesse os links abaixo:

Como identificar um pedófilo?
O que é pedofilia?
Quais são os meios mais comuns de acontecer exploração sexual infanto juvenil?
Como sei se uma pessoa está dando em cima de mim no Orkut ou MSN?
Prof. Ari conversa com a Turminha sobre abuso e exploração sexual
Exploração e abuso sexual: um grande desafio
O MPF está atento à pedofilia. Você também?
Sexting: quando o sonho vira um pesadelo...
Gibi Proteger - abuso sexual em casa
Gibi Proteger - abuso sexual na vizinhança

http://www.turminha.mpf.mp.br/direitos-das-criancas/18-de-maio/copy_of_a-lei-garante-a-protecao-contra-o-abuso-e-a-exploracao-sexual


Mensagens Subliminares Clarêncio o otimista




Princesa jujuba e Marceline foram namoradas?? hora de aventura 

A origem da jujuba



L•é•s•b•i•c•a•s(Yuri) confirmado em Steven universe? Rubi e safira








quarta-feira, 1 de março de 2017

Simpósio e Seminários sobre Ideologia de Gênero. Com a Psicóloga Cristã Marisa Lobo







www.webradioconexao.net

https://www.facebook.com/emconexaocomomundo/

https://www.facebook.com/preceitosbiblicos/

https://www.facebook.com/horadepartirparacima/

https://www.facebook.com/professoramarciavaleria/

https://www.facebook.com/Professora-Marcia-Valeria-Tudo-pela-Educa%C3%A7%C3%A3o-124598984301030/

Quadrinhos “Bíblia versão não autorizada” zomba de Deus e causa polêmica entre Cristãos


Cartunistas criam o livro "bíblia versão não autorizada" para fazer sátiras de passagens bíblicas, usando o apelo sexual e a exploração do humor sobre o livro que é o maior símbolo sagrado de fé de cristãos e judeus em todo mundo

0
Com forte apelo sexual, o livro “Bíblia versão não autorizada“, dos cartunistas Adam Grzybowski  e Luis Goldman, faz uma sátira de várias passagens bíblicas sob a tutela do que os autores acreditam ser motivo de “humor” para alguns, mas que para a absoluta maioria dos cristãos e judeus é, na verdade, um flagrante desrespeito a Palavra de Deus ou, no mínimo, ao que é considerado um símbolo sagrado de fé, independente da crença.
Na forma de quadrinhos, com personagens bíblicos como Abraão, Moisés e o próprio Deus retratados de forma infantil, os autores utilizam o erotismo para dar um “tom” cômico a muitas narrativas, bem como a sugestão implícita de irresponsabilidade e não autenticidade da Bíblia como revelação de Deus, posta em comparação com outros escritos.
O livro “bíblia versão não autorizada” foi lançado em novembro de 2014, mas até hoje gera polêmicas, não apenas por abordar de forma apelativa um material que é motivo de culto para cristãos e judeus de todo mundo, mas por ter o potencial de atingir o imaginário infantil.

Um dos principais meios para o aprendizado da criança, segundo a Psicologia, é o uso de símbolos, jogos e brincadeiras. Os símbolos transmitem ideias, valores e são absorvidos com muita facilidade pelas crianças, devido a fase de grande capacidade imaginativa.
Desenhos, figuras de personagens, etc. como os utilizados nas igrejas para ensinar a classes infantis, são também usados por esses e outros autores para transmitir uma ideia deturpada do que a Bíblia realmente ensina, escondendo nesses enredos, muitas vezes, não apenas a intenção de abordar de forma descontraída a narrativa original do texto, mas de confrontar o ensino que ele transmite, ao substituir a seriedade do “sagrado” pela exploração apelativa do humor.
Essa não é a única publicação dos autores que satiriza a figura de Deus. Em 1992 lançaram “E D’eus criou os judeus e nunca mais descansou / Cá Entre Nós”, também em quadrinhos. Ambos ratificados no Brasil, Grzybowski que é professor de história judaica, já produziu com Goldman mais mais de 250 eventos no segmento artístico, mas nenhum teve maior repercussão do que o livro “bíblia versão não autorizada“.


Fonte: https://noticias.gospelmais.com.br/quadrinhos-biblia-versao-nao-autorizada-zomba-de-deus-e-causa-polemica-entre-cristaos88637.html

terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

Dia 07 de Março - Dia da Oração

Professora Marcia Valeria: Na verdade não tem dia da Oração, TODOS os dias, a todo momento temos que orar e vigiar. Agradecer e colocar nossas petições no Trono Sagrado. Só Ele pode tudo! Uma Família que ora junto, com certeza é mais forte e tem intimidade com Deus. 17 
"Orai sem cessar." Tessalonicenses 5:17




Resultado de imagem para familia orando para pintar

Imagem relacionada

Resultado de imagem para familia orando para pintar

Imagem relacionada

Resultado de imagem para familia orando para pintar

Resultado de imagem para familia orando para pintar

Imagem relacionada

Resultado de imagem para oração lutero capa face

Imagem relacionada

Imagem relacionada

Resultado de imagem para familia orando para pintar
Fonte: Internet

sábado, 25 de fevereiro de 2017

Congresso Evangelizar Kids com a Psicóloga Cristã Marisa Lobo


#Agenda 11,12 e13 de Março/SP.#CongressoEvangelizarKids Informações:
Igreja Batista do Povo, Pr.Claudio Silveira
diretor da Aliança Cristã .
alianca@aliancaeducacional.org.br


sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

Daniela Rojas, menina cega canta música de Lilly Goodman - IGREJAS

 Deus nos da o talento conforme o propósito
 para Sua OBRA (CHAMADA)!

IGREJAS
Meu povo ouvir para o que eu vou dizer 
ser apenas um minuto, se você tem que ir, não 
quer para dizer qualquer coisa apenas ouvir muito que 
, em algum momento você parar 

agora há dois mil anos foi crucificado meu 
corpo cuspido e ensanguentado Traga todos os seus 
pecados do meu lado para dar a vida eterna 
como um presente. E hoje levanta questões por que 
não você ouvir a mim? Por que 
não olhar para mim?, Por que não me 
abraçar? Hipocrisia cegou sua mente E 
diz que me ama 

você se tornou muito forte em seus argumentos têm 
mudado a minha glória para os seus sentimentos às vezes 
à noite eu venho e você acorda Mas eu não 
me importo de falar para mim um momento que você vai gastar todo o seu tempo falando coisas Se estiver vazio na televisão modas labutando sós ter perdido a santidade que brilhou em você sabe mais novelas do que a minha palavra. Meu desejo é que usá-lo para mostrar a minha glória Llenarte unção e que a tua taça que mudar o mundo a cada vez que você falar Para o tempo acabe ... acabe.Intro ... Lembra quando você não estava em meus braços estavam chorando como uma criança com fome e com os pés descalços em câmera lenta e entrei para a lágrimas caíram dança em uma poça.Eu dei -lhe uma nova vida que abriu novas portas Ligue para o seu coração apagar a tristeza Hoje você diz que já fizeram a suabagagem vai para o mundo, não importa o que acontece você não pode negar isso , eu estava sempre com você espero que se eu voltar não passou Então ele vai ser tarde demais e você encontraráChorus: // suas bochechas foram gastos para chorar por mim quando você lembrar dos momentos com Ti // //// de volta para mim ... o meu ////


IGLESIAS
Mi pueblo escúchame lo que voy a decirte
Solo será un minuto si tienes que irte No
quiero digas nada simplemente escucha Perdona que
en algún momento te interrumpa

Hoy hace dos mil años fui crucificado Mi
cuerpo escupido y ensangrentado Lleve todas tus
culpas sobre mi costado Para darte la vida eterna
como un regalo. Y hoy surgen preguntas ¿por
qué no me escuchas? ¿Por qué
no me miras?, ¿por qué no me
abrazas? La hipocresía a cegado tu mente Y
dices que me amas

Te has hecho muy fuerte en tus razonamientos Has
cambiado mi gloria por tus sentimientos A veces
por las noches vengo y te despierto Pero ya no te
importa hablarme un momento



Te pasas todo el tiempo hablando cosas vanas Si
en la televisión las modas solo afanan Has
perdido la santidad que en ti brillaba Sabes mas
de novelas que de mi palabra.

Mi anhelo es usarte que muestres mi gloria
Llenarte de unción y que rebose tu copa Que
cambies al mundo cada vez que hables Pues el
tiempo se agota... se agota.

Intro...

Recuerdas cuando no estabas en mis brazos
Llorabas como un niño hambriento y descalzo
En cámara lenta tu y yo nos juntamos Las
lagrimas caían bailando en un charco.

Te di una nueva vida te abrí nuevas
puertas Llame a tu corazón borrando en la
tristeza Hoy dices que ya tienes hechas tus
maletas Te vas al mundo no importa que suceda

No puedes negarlo, siempre estuve contigo
Ojalá que si vuelves yo no me haya ido
Entonces será demasiado tarde y no
podrás encontrarme

Coro: // tus mejillas se gastaran de llorar por
mi cuando recuerdes los momentos junto a Ti// ////
regresa a mi... a mi////

- FUENTE -
MUSICA.COM

- LETRA AÑADIDA POR -
vicky lorita
Lilly Goodman

Fonte: http://resumendenoticia.info/nina-invidente-conmueve-el-mundo-al-cantar-iglesia-de-lilly-goodman/

sexta-feira, 6 de janeiro de 2017

Novo filme da Disney - OUTRA ABERRAÇÃO!




A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e texto

"Novo filme da Disney. PRINCESA não precisa de príncipe. Colocaram um Ogro, um troglodita medonho ao lado da princesa. Ou seja, agora vão doutrinar as meninas para desprezar os homens , enxerga-los como homens monstro??.Quem desejaria um homem desses?Entendem como as feministas e os ativistas gays, detonam o casal heterossexual em desenhos?Agora observe .. ...Se as mulheres não quiserem os homens ,sobra pra quem???"

Fonte: Psicóloga Marisa Lobo



Que os Professores e Familiares fiquem atentos a toda programação infanto juvenil. Estão usando-as para induzirem nossos crianças e jovens . Não leve para as escolas esse tipo de má informação para seus alunos, pense que seus filhos podem ter "professores" maldosos também. Vamos denunciar, informar as Família para que tomem providências.
Professora Marcia Valeria

Novo filme da Disney, "Moana" causa polêmica ao retratar semideus polinésio Divulgação/Disney

Novo filme da Disney, "Moana" causa polêmica ao retratar semideus polinésio


Na cultura da região retratada no filme, reproduzir as tatuagens de uma pessoa é considerado desrespeito

Em "Moana", a personagem principal é acompanhada por um semideus da região do Pacífico, que causou polêmicaFoto: Divulgação / Disney 
O novo filme da Disney, Moana: Um mar de aventuras, ainda não estreou, mas já cria polêmica no Pacífico, onde o estúdio de animação americano é acusado de desprezo e saque cultural. O filme de animação dirigido por John Musker e Ron Clements conta a história de uma adolescente de 16 anos que é acompanhada em suas aventuras por Maui, uma figura lendária da mitologia de várias culturas do Pacífico. A representação de Maui e a exploração comercial da figura lendária pela Disney provocaram indignação.
A tentativa da Disney de lucrar com uma figura mitológica – que algumas culturas consideram que é um "ancestral" – não foi bem aceita na região. Isso porque a questão é sensível: na cultura da Polinésia, as tatuagens contam uma história pessoal. Reproduzir estas intimidades é considerado uma falta de respeito, e fazer isso com fins comerciais é um insulto.
Muitos habitantes das ilhas do Pacífico afirmam que a busca da Disney por lucros foi longe demais e que chega à cobiça e ao mau gosto. Para Marama Fox, dirigente do Partido Maoista da Nova Zelândia, o grupo americano busca "ganhar dinheiro graças à história e às crenças dos outros".
– É o mesmo que imprimir a imagem de um de nossos ancestrais em uma cortina de chuveiro ou em uma garrafa de cerveja – disse Fairfax Media.
Em pouco tempo, o estúdio enfrentou uma série de polêmicas – a última por uma fantasia de Halloween deste "semideus", que precisou ser retirada do mercado por críticas de que era uma representação racista, por conta da malha escura usada para representar a pele do personagem. A fantasia de corpo inteiro inclui a pele tatuada do ser lendário, vestido com uma tanga de folhas e adornado com um colar que imita ossos de tubarão.
Em junho, quando foram divulgadas as primeiras imagens de Maui, elas já haviam provocado irritação na Polinésia. Sua representação como uma figura corpulenta foi encarada como clichê em uma região onde a obesidade é um problema de saúde pública.
Algumas vozes na internet denunciaram que esta fantasia de pele bronzeada era equivalente às caricaturas teatrais que os brancos faziam com o rosto pintado dos negros nos Estados Unidos, conhecidas como "blackface".
A comissão de Direitos Humanos da Nova Zelândia se pronunciou no site de informação stuff.co.nz após as críticas. "Esperamos que a Disney compreenda as opiniões das comunidades e dos povos que caracteriza no filme", indicou a comissão.
Em meio às críticas, há alguns partidários do filme. A jornalista neozelandesa de origem samoana Madeleine Chapman é um deles. "Depois de ver por anos nos aniversários pequenos Homens-Aranha samoanos e Batman bronzeados, seria verdadeiramente pouco crível ver crianças brancas fantasiadas de heróis polinésios?", escreveu no site thespinoff.co.nz.
Nesta quinta-feira, a Disney decidiu voltar atrás.
"A equipe de Moama tomou muito cuidado na hora de respeitar as culturas das ilhas do Pacífico nas quais o filme se inspira e lamentamos que a fantasia de Maui tenha sido ofensiva", disse o grupo em um comunicado. "Apresentamos nossas sinceras desculpas e retiramos a fantasia de nossas lojas", indicou o estúdio.
No festival de cinema de animação de Annecy, no mês de junho, John Musker e Ron Clements se mostraram muito abertos à cultura do Pacífico. Para preparar o filme e entender a cultura local, os dois autores e suas equipes realizaram longas viagens às ilhas do Pacífico, onde se reuniram com antropólogos.
– Estas viagens modificaram completamente nossa percepção da história que desejamos contar", disse John Musker. – Queríamos contar o que aconteceu ali há 3 mil anos. Os maoris eram navegantes muito bons que se moviam no mar por instinto. Conseguiram conectar os oceanos.
Fonte: http://zh.clicrbs.com.br/rs/entretenimento/cinema/noticia/2016/09/novo-filme-da-disney-moana-causa-polemica-ao-retratar-semideus-polinesio-7542440.html

http://www.elo7.com.br/meuquartinhoateliemv

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Professora Marcia Valeria


http://professoramarciavaleria.blogspot.com.br/


https://www.facebook.com/preceitosbiblicos/?fref=ts


"E tudo quanto fizerdes, fazei-o de todo o coração, como ao Senhor, e não aos homens." Colossenses 3:23

Postagens populares

DEFICIÊNCIAS ( Mario Quintana )


"Deficiente" é aquele que não consegue modificar sua vida, aceitando as imposições de outras pessoas ou da sociedade em que vive, sem ter consciência de que é dono do seu destino.

"Louco" é quem não procura ser feliz com o que possui.

"Cego" é aquele que não vê seu próximo morrer de frio, de fome, de miséria, e só tem olhos para seus míseros problemas e pequenas dores.

"Surdo"
é aquele que não tem tempo de ouvir um desabafo de um amigo, ou o apelo de um irmão. Pois está sempre apressado para o trabalho e quer garantir seus tostões no fim do mês.

"Mudo" é aquele que não consegue falar o que sente e se esconde por trás da máscara da hipocrisia.

"Paralítico" é quem não consegue andar na direção daqueles que precisam de sua ajuda.

"
Diabético" é quem não consegue ser doce.

"Anão" é quem não sabe deixar o amor crescer.

E, finalmente, a pior das deficiências é ser
miserável, pois:
"Miseráveis" são todos que não conseguem falar com Deus.

"A amizade é um amor que nunca morre."

DEFICIÊNCIAS - Mario Quintana (escritor gaúcho nascido em 30/07/1906 e morto em 05/05/1994 .